INSS 2022 | Saiba como contribuir de forma correta! 

Bom, assim como já anunciado, o salário mínimo vai passar de R$1.212,00 em 2022, já que ele era de R$1.100,00, ou seja, o nosso piso salarial teve um acréscimo de R$112,00. Portanto, quem recebia benefício de salário mínimo em 2021 já sabe que, a partir de agora, vai receber R$1.212,00.

Para chegar a esse valor, o Governo Federal se baseou totalmente no INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) onde encerrou o ano de 2021 em 10,16%.

Mas isso muda minha contribuição J.Folador?

Muda sim, preste atenção abaixo.

Desde o mês de novembro de 2019, os recolhimentos não possuem um valor fixo e atualmente os valores são todos progressivos de acordo com o salário de cada pessoa, obviamente.

Os contribuintes individuais estão recolhendo um percentual de 20% (Código GPS 1007) e um percentual de 11% (Código GP 116). Vale lembrar que o percentual de 20% varia entre o salário mínimo e o teto do INSS de R$7.087,22 atualizado já pra 2022.

Já o contribuinte facultativo pode recolher um percentual de 20% (Código GPS 1406), um percentual de 11% (Código GPS 1473) e um percentual de 5% (Código GPS 1929). Vale lembrar que o percentual de 20% também varia entre o salário mínimo e o teto do INSS.

Bom! O impacto dessa correção na sociedade será ínfimo, pois alguns especialistas acreditam que esse aumento não é real já que a inflação está alta. É possível que se passe uma falsa sensação de aumento entre a população e de fato isso trará custos maiores para o Governo Federal, mas o poder de compra do brasileiro não aumentará, muito pelo contrário.

Óbvio que no meio de uma pandemia, não se pode esperar muita coisa, contudo é preciso analisar que um reajuste não pode ser feito acima da inflação (que já está bem alta) pois poderia acarretar em problemas financeiros irreversíveis, tendo em vista que o Governo Federal não tem recurso disponível, o que poderia levar a uma crise fiscal.

Então, o ganho real aconteceria se houvesse um aumento acima da inflação, para que as pessoas conseguissem comprar mais, agora com esse aumento, que ainda consegue ser o maior dos últimos tempos, só temos uma impressão de compra mínima.

Vamos torcer para que as coisas se acertem e que a inflação diminua para devolver aos brasileiros o poder real de compra e um pouco mais da dignidade tão abalada pelo Covid-19.

Nós, da J.Folador estamos juntos e torcendo por cada um de vocês.

Qualquer outra questão, é só acompanhar por aqui. Let´s Go!

Deixar uma resposta

15 + 10 =

NÓ ENTRAREMOS EM CONTATO COM VOCÊ!

Ex: (41)9988-87888

Experiência, ética e uma grande estrutura pronta para facilitar a sua vida.

Investimos em estrutura e capacitação para poder oferecer à sua empresa o que você mais precisa: facilidade e tranquilidade no seu dia a dia.

  • Mias de 30 anos de experiência em gestão contábil;
  • Presença em 9 cidades;
  • mais de 250 clientes atendidos;
  • 300 colaboradores e parceiros à sua disposição;
  • Motoristas para entregar e receber documentos.
Assessorar e executar as informações para tomadas de decisões e gestão corporativa de nossos clientes, prestando serviços com qualidade e comprometimento, valorizando os talentos internos e priorizando excelência no atendimento.
Ser a contabilidade modelo em Curitiba e nível nacional, buscando inovações tecnológicas objetivando agilidade no atendimento e desenvolvimento dos processos nas áreas contábil, fiscal, societário e RH.
  • Confiança;
  • Transparência;  
  • Ética Profissional;
  • Segurança e Transparência;
  • Comprometimento e Respeito;
  • Pontualidade e Assiduidade;
  • Respeito e Responsabilidade;
  • Coerência.

Nossa História

Uma tradição em família que se multiplica em diversas empresas e gerações da família Folador.

O casal Hermegildo e Maria naturais de Erechim – RS, constituíram uma família com 13 filhos, ele agricultor e empresário, era quem estruturava e controlava seus registros contábeis com notável diligência.

A partir dessa experiência a maioria de seus filhos descobriram sua vocação; Jacir Folador identificou-se com as questões de cuidado e zelo patrimonial, herdadas de seu pai. Hoje bacharel em Ciências Contábeis pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC), casado pai de dois filhos. Em 1982, com apenas 21 anos já formado e com registro no CRC, iniciou seu próprio escritório contábil firmando-se no mercado. Com o passar do tempo a experiência, trouxe novos conhecimentos ampliando suas vontades empresariais.

Todo o seu trabalho desenvolvido com seriedade e competência geraram reconhecimento na classe contábil, destacando a importância da contabilidade na gestão empresarial e nas tomadas de decisões administrativas e no crescimento das empresas. Hoje conta com uma equipe altamente capacitada nas áreas Contábil, Fiscal, Empresarial e Rh, proporciona aos seus clientes, todos os procedimentos para o melhor desenvolvimento do seu negócio, tem sempre em mente que o sucesso de seus clientes é o que justifica sua vocação.