Categorias Seta
Home > Blog > Folha de pagamento – Como calcular salário, férias e 13º

Folha de pagamento – Como calcular salário, férias e 13º

24 de junho de 2020
folha_de_pagamento_decimo_terceiro

Um colaborador em um regime de contrato CLT possui diversos benefícios. Além de garantir o salário mensal, proveniente das horas trabalhadas durante o mês, o trabalhador ainda tem o direito a férias remuneradas e, ao final do ano, ainda tem a garantia do 13º salário.

 

Contudo, muitos colaboradores não sabem calcular esses benefícios e em que bases são feitos.

 

Quer saber mais? Então, leia o post até o final e saiba como calcular o seu salário mensal, suas férias remuneradas e o seu 13º salário.

 

Qual a diferença entre salário bruto e salário líquido?

Antes de tudo, é importante entender as diferenças entre salário líquido e salário bruto. Assim, é possível definir que todos os trabalhadores que possuem serviço de carteira assinada, recebem um valor cheio, que é o salário bruto.

 

Nesse valor total, não há nenhum tipo de descontos, como:

 

– INSS;

 

– Imposto de Renda;

 

– Descontos de passagem;

 

– Planos de saúde.

 

Contudo, no salário líquido, o valor já vem descontado. Assim, pode-se definir que o valor líquido é o que você receberá, de fato, em sua conta, no final do mês.

 

Como calcular o salário

Para calcular o salário proporcional, basta dividir o valor total por 30 dias e, então, multiplicar essa quantia pelo número de dias trabalhados.

 

Por exemplo, considerando o mês de janeiro, que possui 31 dias, e considerando que durante o mês você trabalhou 26 dias, basta calcular da seguinte forma:

 

  1. Salário mínimo atual: R$ 1.045;

 

  1. Quantidade de dias do mês de janeiro: 31 dias;

 

  1. Quantidade de dias trabalhados em janeiro: 26 dias;

 

Cálculo: R$ 1.045/ 31 dias = R$ 33,70

 

33,70 x 26 = R$ 876,20 (salário proporcional).

 

Entretanto, é importante observar o número de dias do mês em relação aos dias trabalhados, como é o caso de meses que têm 30 dias e o mês de fevereiro, que possui 28 dias em seu calendário.

 

Como calcular as férias

Para calcular o valor que será recebido nas férias, é preciso se basear no salário do colaborador. Assim, deve-se levar em consideração o valor pago ao trabalhador diariamente, a quantidade de dias e a inclusão de ⅓ do valor total.

 

Dessa forma, digamos que seu salário mensal seja de R$ 1.000 por mês e você terá 20 dias de férias. Baseando-se nessas informações, o cálculo será o seguinte:

 

  1. Base para cálculo: R$ 1.000;

 

  1. Valor diário de trabalho: R$ 1.000/30 = R$ 33,33 por dia;

 

  1. Valor de dias de férias: 33,33 x 20 = R$ 666,60;

 

  1. Valor dos ⅓ de férias: 666,60/3 = R$ 222,20;

 

  1. Valor total para férias de 20 dias: 666,60 + 222,20 = R$ 888,80.

 

É importante ressaltar que nesse valor será descontada a contribuição para o INSS e o Imposto de Renda.

 

Como calcular 13º salário

Para calcular o 13º salário, é necessário dividir o salário bruto por 12. Logo depois, multiplique o número de meses trabalhados até outubro, o cálculo é feito até outubro, porque a primeira parcela paga já é em novembro.

 

Dessa forma, o empregado que começou a trabalhar em novembro, não recebe o serviço. Depois, pode-se verificar que a parcela será referente à metade do valor que foi encontrado, sem os descontos.

 

Assim, para chegar a segunda parcela do 13º salário, basta dividir o salário bruto por 12 e multiplicar o resultado pela quantidade de meses trabalhados. Logo depois, subtraia no valor os descontos que serão feitos pelo INSS e pelo IR.

 

Agora que você já sabe como calcular o seu salário, suas férias e o seu 13º, que tal conhecer os nossos serviços para te ajudar em sua rotina organizacional? Acesse agora mesmo o nosso site e conheça os nossos serviços.

 

Whatsapp